Impacts of land use and cover change on Paraíba do Sul whatershed streamflow using the SWAT model

RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar os impactos das alterações do uso e cobertura do solo na bacia do rio Paraíba do Sul utilizando o modelo SWAT. Foram avaliados dois cenários de uso e cobertura do solo, um referente ao ano de 1986 e outro ao ano de 2015. Os resultados mostraram que o modelo SWAT se ajustou muito bem a bacia, após a calibração e validação. Além disso, observou-se que no cenário de 2015 a vazão de longo período, foi inferior em grande parte da área de estudo, com destaque para as sub-bacias no trecho do rio Paraibuna. Notou-se que as alterações no comportamento da curva de permanência foram mais representativas nas estações do rio Paraibuna e do rio Preto. Que na primeira, devido a diminuição da área de floresta, as condições de seca e de vazões mínimas foram intensificadas. Já na segunda, a disponibilidade hídrica melhorou no cenário de 2015, devido ao aumento da área de floresta. Por fim, os resultados aqui apresentados juntamente com o modelo SWAT calibrado podem servir de auxílio aos gestores de recursos hídricos atuantes na bacia do rio Paraíba do Sul e para futuros trabalhos que visem avaliar, também, os impactos das mudanças climáticas sobre a vazão.